Devoção a Luiza Dionízio

Momento totalmente histórico. Se eu dissesse que estava lá para ocupar espaço, encher teatro estaria mentindo.Teatro Rival, quarta feira, 14 de 2010 às 20:00h –

Poderia, caso houvessem me solicitado.  Mas não. Fui, pois ao escutar o CD de Luiza Dionízio não haveria outra escapatória. O CD mesmo fora do aparelho se encostado ao seu ouvido pulsa e você é capaz de ouvir a batida do coração da cantora.

Impressionada resolvi conferir de perto.

Não posso usar a palavra surpresa, pois já me era esperado, mas posso dizer que depois que a Deusa (uma vez que o CD é intitulado Devoção) aparece, não tem como olhar para mais nada, você se esquece de onde está.

O show começa com muita dança afro e saudação a Deuses africanos, samba sim, mas o timbre de voz e a interpretação são tão fortes que te confundem se está vendo samba, blues ou o que.  A sensação é de que não precisa de platéia para encher o teatro. Luiza da conta com sua alma de lotar um maracanã.

Em determinado momento as luzes abaixam e Luiza até então esfuziante, se acalma e vagarosamente caminha ao canto esquerdo do palco. Pega um xale, delicadamente se ajeita, senta e canta Pensando Bem (João de Aquino/Martinho da Vila).

A energia é tanta que você não sabe se chora se quer que ela continue, ou acabe logo para poder voltar a respirar.  Não sabe se é Luiza ou Bessie Smith e se lembra: opa isso aqui é samba.

Com vinte anos de experiência profissional tendo passado por rádio e outras produções já vi muito artista se apresentar e estive em bastidores de muitos shows, pode parecer um tanto exagerado o que vou dizer, mas até hoje se eu tiver que fazer alguma comparação com a incomparável eu diria que só vi duas pessoas cantarem com a mesma intensidade – Maria Bethânia e Janis Joplin.

Ainda bem que fui, tenho certeza que esse foi o primeiro de muitos, afinal não tem como tanta potência e Devoção ficarem trancadas naquele único dia. Mas eu poderei ter o orgulho em dizer que estava no primeiro show do CD espero que você possa dizer que estava no segundo.

Anúncios

Comentários encerrados.