Água Fria – Ou Mentir para sobreviver?

**** E eu me pergunto: Agora esse Alien vai me resolver a bancar o poeta? E que poesia é essa?

Tudo bem, já o deixei fora do comando por bastante tempo. Deixa o “Ser” do outro planeta falar. Deixa o endoidecido, que pelo visto está atacado com a terra e ainda por cima acreditando em coisas, colocar para fora o que pensa.

Afinal de contas, geralmente ele acaba mesmo tendo muito mais razão que eu. Eu nada sei. Fala marciano… desenvolve sua veia poética vai…

Só quero é paz, mas tá complicado!

Água Fria – (Alien Garra)

 

“Como pode um peixe vivo viver fora  d’água fria?”
Opa, opa, opa…
Como pode viver dentro?
Como poderei viver?

 

Então agora, ser evoluído é sorrir e mentir?
“Que país é esse”? Diria Cazuza.
O país dessa família, minha filha,
Eles gostam de mentiras para ficarem contentes.
Alguém me acuda!

 

Resignação em ação – que contradição!
Quando a água já tanto bateu e pedra não furou,
Melhor aceitar a condição e ainda chamar de educação.
Na verdade penso: Ei mundo você acabou

 

Amado mestre,
Ou Tonico me bateu,
Ou, o maior presente que deste o homem no lixo jogou.

 

Coisa de bicho
O animal racional que criou
Cada dia mais irracional se torna
Sem pensar que todo lixo em reciclagem se transforma.

 

Fica a pergunta:
Como pode um peixe VIVO viver DENTRO d’água fria?

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s