Marcapasso… Qual compasso bate o seu coração?

***Simone Sá Pinto no comando…

Tudo já foi dito. Já mencione isso em outro post. Tudo já foi cantado. Todas as respostas de nossas questões estão nas musicas.

E já mencionei em outro post o seguinte: “Enquanto você se esforça pra ser, um sujeito normal e fazer tudo igual, eu do meu lado aprendendo a ser louco, maluco total, na loucura real… Controlando a minha maluquez, misturada com minha lucidez, vou ficar, ficar com certeza, maluco beleza…” (Maluco Beleza – Raul Seixas).

Ao contrário disso “Minha dor é perceber que apesar de termos feito tudo o que fizemos, ainda somos os mesmos e vivemos como nossos pais…” (Como Nossos Pais – Belchior/Famosa com Elis Regina)

Comparei exatamente essas duas músicas. E comparo novamente e irei comparar quantas vezes se fizer necessário. Pois, escutamos as musicas, cantamos, publicamos em nossas redes sociais, porém as perguntas que ficam no ar: Estamos prestando atenção na letra e aprendendo com elas? Estamos com a interpretação delas tentando evoluir? Bem, espero que sim.

Porém, se o Garra estivesse por aqui e não perambulando pelo mundo como está… em sua busca de novas experiências, estaria com certeza brigando comigo e me chamando de sonhadora novamente como sempre faz.. (risos)

Pois hoje deixemos de lado nosso preconceito sobre gêneros musicais, e estudemos a letra de Cecéu cantada por Elba Ramalho – Bate Coração.  Se lerem isso sem pensar quem canta, talvez seus males espantem…

Aproveito para anexar um vídeo que é imprescindível que abram e assistam, pois o mesmo fala muito, mas muito mais que a letra dessa canção. É de tirar o fôlego. Sinceramente quando vi, fiquei por algum tempo sem norte, sul, leste e oeste. Confiram tá.

Bate Coração (Elba Ramalho/ Composição: Cecéu)

Bate, bate, bate, coração
Dentro desse velho peito
Você já está acostumado
A ser maltratado, a não ter direitos

 
Bate, bate, bate, coração
Não ligue, deixe quem quiser falar, ah!
Porque o que se leva dessa vida, coração
É o amor que a gente tem pra dar, oi!

 
Tum, tum, bate coração
Oi, tum, coração pode bater
Oi, tum, tum, tum, bate, coração
Que eu morro de amor com muito prazer

 
As águas só deságuam para o mar
Meus olhos vivem cheios d’água
Chorando, molhando meu rosto
De tanto desgosto me causando mágoas

 
Mas meu coração só tem amor, amor!
Era mesmo pra valer, ê
Por isso a gente pena sofre e chora coração
E morre todo dia sem saber

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s