Medos ou Dragões? Como se livrar? (Por Simone Sá Pinto)

Medos ou Dragões? Como se livrar? (Por Simone Sá Pinto)

Livrar-se dos medos… Tarefa um tanto complicada. Na grande maioria das vezes nem sequer admitimos que existam. O simples fato de identificar que sim temos medo e saber do que é de onde vem já é um grande avanço.

A grande barreira está em conseguir vencer, pois nessa hora nos exasperamos mesmo com coisas simples, e até mesmo procrastinamos coisas importantes.

Se você já identificou os seus, sinta-se feliz, pois está bem a frente de muita gente que vive em estado de cegueira. Entendo que não ajuda muito. Ao contrário, quando identificados a impressão é que os mesmos aumentam como se virassem dragões e fossem nos engolir.

Na maioria das vezes nos deixam tão atordoados que paralisamos. Tentamos de toda forma encontrar métodos e métodos para solucionar, e a coisa parece ficar ainda maior. Começamos então a ter medo do medo e assim por diante. Sentimos-nos fracos, impotentes, e todo outro adjetivo negativo que encontrarmos para nós mesmos.

A pergunta é: Isso vai ajudar a resolver alguma coisa? CLARO QUE NÃO! Só vai atrasar sua vida.

Lembre-se que toda força está em você mesmo. Só você pode ocasionar a mudança e vencer ou até mesmo ficar amigo do medo.

Amigo do medo? Estou doida? Em meu pensamento, medo é justamente aquilo que existe para que vença e se torne melhor. E então? Não é seu amigo?  Está ali para lhe abrir os olhos e fazê-lo andar.

O que não pode é ficar parado. Muitas vezes é difícil mudar assim de uma hora para outra, especialmente quando se trata de comportamentos. Agora, ficar com medo do medo é transformar a coisa ainda maior.

É necessário ter compreensão que mudamos um pouco a cada dia. Apenas precisamos andar em direção a isso, ao invés de ter ataque de ansiedade e querer mudar tudo ao mesmo tempo.

Conheço um exercício que vou ensinar. Podem usar, ou simplesmente rir dessa coisa. Apenas sei que comigo funciona.

Como para mim tudo é movido por meus pensamentos. Aprendi em curso que fiz (abaixo colocarei o link do curso) que medos são como dragões.

Faço assim. Imagino um medo e que ele é um dragão horrendo. Depois paro de pensar no medo e penso que o dragão é fofo como um desses de desenho animado. Em seguida coloco um nome bem patético no tal dragão. Volto ao medo e associo ao dragão fofo. Assim o medo parece idiota. E com a minha mente fica mais fácil vencer.

images

Tá pode achar o que quiser desde que aprendam a conviver com os seus dragões/medo e aos poucos com paciência tenham sabedoria para mudar as barreiras de suas vidas. É o que desejo a vocês.

*** Aprendi isso isso e muito mais no curso Acessando Seu Gênio Pessoal (Rosa Castro e Jairo Mancilha – INAp) – Segue o link aos interessados.

http://www.pnl.med.br/new/?pagina=curso&codCurso=86&filtro=curso

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s